segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Resenha: A Garota do Calendário - Janeiro


A Garota do Calendário - Janeiro
Autora: Audrey Carlan
Páginas: 144
Ano: 2016
Editora: Verus


Sinopse:
Ela precisava de dinheiro. E nem sabia que gostava tanto de sexo. O fenômeno editorial do ano e best-seller do New York Times, USA Today e Wall Street Journal
Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato.
A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil.
Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser...
Em janeiro, Mia vai conhecer Wes, um roteirista de Malibu que vai deixá-la em êxtase. Com seus olhos verdes e físico de surfista, Wes promete a ela noites de sexo inesquecível — desde que ela não se apaixone por ele.

Opinião:
Então gente, primeiro eu queria esclarecer que eu não costumo ler livros eróticos ou que tenham um cunho mais sexual, não sei, nunca me atraiu. Mas esse fim de semana eu estava querendo ler uma coisa mais descontraída das minhas últimas leituras. 
Procurei vários e-books e finalmente me lembrei que tá todo mundo lendo "A garota do calendário", daí me desafiei a  começar. 
O livro é bem fluído, tem uma linguagem bastante simples e você consegue ler em umas duas horas, só que eu fiquei o tempo todo com a sensação de estar lendo uma fan fic.
A premissa é boa, Mia começa a ser acompanhante para pagar uma dívida que seu pai fez com um agiota.  Logo no primeiro mês de trabalho ela conhece Wes, o cara perfeito. E o trabalho que ela acreditava que seria um pesadelo, se transforma em sonho. Mas como vocês sabem Mia não pode se apaixonar porque esse é o trabalho dela.
A trama é bem clichê e até engraçada e as cenas hot, como eu disse anteriormente, são bem fan fic. Não sei se vou continuar lendo a série, mas a Mia é uma personagem interessante, principalmente porque ela não é nenhum pouco boba ou dependente.

NOTA: ✪✪✪

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Incentive o blog! Comente o post com sua opinião ou sugestão, todos os comentários são bem-vindos, exceto os ofensivos. Deixe seu link caso você também tenha um espaço. Muito obrigada!