segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Teorias Malucas Sobre Nossos Desenhos Favoritos


Oi oi gente!
*Outro repost de quando o blog era Dark Paradise, mas acrescentei alguns desenhos.

A Hora da Aventura: a grande Guerra dos Cogumelos trata-se de uma Guerra Nuclear que deu origem ao maravilhoso mundo de Ooo. A radiação das bombas atômicas eliminou praticamente toda a vida na Terra e os sobreviventes sofreram mutações terríveis que modificaram seu material genético e resultaram nas bizarras criaturinhas que habitam Ooo.

Bob Esponja: segundo teorias, os personagens são mutantes, produtos de radiação de testes nucleares. De acordo com a lenda, eles vivem embaixo do Atol de Bikini , área do Oceano Pacífico onde, nos anos 1940 e 1950, foram feitas explosões atômicas de forma experimental. Por isso, o local em que a esponja amarela vive se chama Fenda do Biquini .

Coragem, o cão covarde: Segundo a lenda, a história é narrada a partir do ponto de vista de Coragem , ou seja, sob a visão de um cão. Por isso ele se assusta com os bichos horríveis que aparecem em sua casa, mas os donos não dão bola, já que eles são humanos e sabem que os tais monstros são apenas pessoas normais. Aliás, o animalzinho não mora no meio do nada, ele inclusive tem vizinhos, mas acredita estar em um lugar isolado porque nunca sai para passear.

Pica-Pau: Além de ter em vários episódios frames de arte abstrata da época, Pica-Pau transmitia mensagens de ensino ao xingamento, á perversão, a ameaça e ao consumo de álcool, como no episódio “O Ladrão de Gasolina”, no qual Pica-Pau rouba gasolina do tanque de carros de outras pessoas com a própria boca, simbolizando assim o ato de consumir bebida alcoolica. 

Rugrats, os anjinhos: Angélica teria criado o mundo dos “Rugrats” por conta da negligência de seus pais, sempre ocupados. A hipótese vai além: o ruivinho Chuckie teria morrido com sua mãe, o que explica o constante nervosismo de seu pai. Tommy teria falecido ainda durante a gestação, por isso Stu passa tanto tempo no porão fazendo brinquedos para o filho que nunca nasceu. Já os irmãos DeVilles teriam sido vítima de aborto. Como Angélica não sabia o sexo do bebê, ela imaginou dois gêmeos, um menino e uma menina.

Du, Dudu e Edu: Esta teoria propõe que todas as crianças no desenho estão realmente mortas , e o bairro em que vivem é o purgatório. Porque além das cores cadavéricas que compõem o desenho, não aparecem adultos. Segundo a teoria, cada criança da vizinhança haveria nascido em um período da história. Por esse motivo, em alguns episódios você assiste eles usando uma vitrola e em outro, um discman, ou ainda, em certo episódio usam máquinas de escrever e em outro, computadores. Daí a sugestão de que todos estão mortos.


Os Simpsons: Reza a lenda que todos são amarelos em Springfield pois estão morrendo lentamente pela prolongada exposição aos resíduos nucleares das empresas de Mr. Burns, que trabalha em segredo para o Partido Republicano produzindo armas nucleares para os Estados Unidos.

Pokemon: Uma teoria diz que o anime se passa em uma realidade alternativa, na qual o Japão saiu como vencedor da Segunda Guerra Mundial. Os pocket monsters foram a arma secreta do governo japônes, e por isso esses seres fantásticos andam livremente pelo país.

Smurfs:  Segundo essa teoria, é um desenho sobre drogas, o vilão Gargamel, que seria viciado em LSD e chá de cogumelo, via pequenos seres azuis durante suas “viagens”. Uma das provas que os fãs que acreditam nessa tese usam é a de que Gargamel conseguiu criar um Smurf, a Smurfete. 

Scooby Doo: A teoria diz que a série se passa depois de uma depressão econômica horrível. Tudo está abandonado e caindo aos pedaços e todos os vilões são pessoas que normalmente seriam respeitadas – professores, curadores de museus, celebridades – agora decadentes em tempos difíceis, como qualquer outra pessoa.

Garfield: Jon e Odie não existem. Garfield está realmente morrendo de fome e apenas imaginando Jon e Odie. 

O Laboratório de Dexter:  Uma teoria insiste que ele não tem nenhum talento – é tudo imaginação. Como um garoto socialmente desajeitado, Dexter se baseou fortemente em sua imaginação. Seus “rivais” eram seus poucos amigos também com grandes imaginações, e quando eles brincavam juntos, as aventuras fantásticas do Laboratório de Dexter aconteciam.

Qual dessas teorias vocês acham que tem mais fundamento? Comentem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Incentive o blog! Comente o post com sua opinião ou sugestão, todos os comentários são bem-vindos, exceto os ofensivos. Deixe seu link caso você também tenha um espaço. Muito obrigada!